NOTÍCIAS


Voltar

Dicas para concurseiro de primeira viagem.

Em tempos de crise e instabilidade, jovens e profissionais experientes estão, cada vez mais, aderindo à busca por cargos públicos. Porém, a tão sonhada carreira pública pode trazer dúvidas para quem está começando nessa jornada.
 
Para te ajudar, selecionamos algumas dicas que podem ser úteis na sua caminhada. A escolha não é fácil, exige foco e determinação, mas, ao final, os resultados são compensadores!
 
Área de atuação para estudar matérias gerais
 
Uma das questões mais pertinentes é a que concurso se dedicar. A dica que damos é: não atire para todos os lados. Se você não tiver um foco, a falta de resultados pode acabar gerando um desânimo. Defina, pelo menos, qual carreira pretende investir. Seja carreira militar, jurídica, bancária, administrativa ou policial, escolha a que mais combine com você e selecione as matérias básicas que caem em praticamente todos os concursos da área. Isso fará com que você saia na frente dos seus concorrentes e facilitará seus estudos.
 
Se você ainda não tem ideia de qual concurso fazer, começar seus estudos por disciplinas de conhecimentos gerais, como Português, Informática e Raciocínio Lógico, é uma excelente alternativa. Além disso, dê uma olhada em concursos previstos, estude sobre as bancas que os planejam, carreiras, atribuições e remunerações. Vai te ajudar no processo de escolha!
 
Conhecimento das bancas organizadoras
 
Os conteúdos para um mesmo cargo podem até ser similares, mas cada banca organizadora tem um estilo próprio de cobrá-los nas provas. Por isso, é fundamental que você as conheça. Mas como fazer isso sem ter prestado um concurso?  
 
A melhor forma de se familiarizar com o estilo das bancas é a prática! Leia os editais, faça simulados e provas anteriores, busque informações com concurseiros mais experientes. 
 
Monte um cronograma de estudos
 
 
A organização e disciplina são peças chave para se sair bem nos estudos. Assim, planeje sua rotina de estudos, baseada no tempo que tem para estudar, os conteúdos que precisam ser conhecidos. Você pode fazer isso numa planilha de Excel, por exemplo. 
 
Outra dica fundamental é dividir o conteúdo e estudar as disciplinas de forma intercalada, sem ficar muito tempo sem estudar algumas delas. Separe, também, um tempo para revisar o conteúdo porque, afinal, é muita coisa para guardar e refrescar a memória é sempre bem vindo!
 
Mantenha-se bem informado
 
Grande parte das questões abordam conteúdos de atualidades, seja de forma direta ou na forma de textos. Por isso, assista e ouça noticiários, leia jornais e revistas, sites especializados, enfim, procure sempre estar por dentro do que acontece no Brasil e no mundo.
 
Trabalho e estudo: consigo me preparar para um concurso?
 
Sim, consegue! Seria ótimo se todos pudessem se dedicar, em tempo integral, aos estudos para um concurso, mas, sabemos que a realidade não é essa.
 
Porém, é preciso ter ainda mais disciplina, já que o edital é o mesmo para todos, mas, o tempo disponível, não. Daí, vem a importância da programação, montagem do cronograma de estudos e, acima de tudo, disciplina!
 
O conteúdo a ser estudado é grande e, também o são as tentações! Portanto, cuidado com redes sociais ( WhatsApp, Facebook, Instagram) elas não podem tirar seu foco durante o tempo destinado aos seus estudos. Se possível, desligue a internet ou deixe o celular longe do seu alcance. 
 
A concorrência nos concursos públicos vem crescendo cada vez mais, exigindo preparo pré-edital por parte dos candidatos. Por isso, não espere que seu órgão divulgue as inscrições para, só assim, começar a estudar. Lembre-se que todo tempo perdido é valioso, bem como conteúdo não estudado. 
 
Cuidados fundamentais
 
 
Para ter sucesso, é fundamental que o candidato tenha um tempo para ele, cuidando de sua saúde física e mental. Portanto, mantenha uma rotina saudável, com boa alimentação, leituras complementares e programas de lazer. O isolamento não garante aprovação para ninguém, portanto, cuidado para não confundir as coisas!
 
Seja bem-vindo ao mundo daqueles que sonham e perseguem a tão almejada carreira pública. O caminho é árduo, mas compensador! Se precisar de ajuda nos estudos, conte com o Logos Concursos. Desde 1997 , sendo referência em aprovações. 

outras notícias
Depoimentos
  • Sarah de Mattos Oliveira, Arquiteta, 24 anos, aluna do Curso Logos há 1 ano e 2 meses. Metódica e organizada, é assim que Sarah se julga. Qualidades que contribuíram para passar no concurso de Auditor Fiscal do Trabalho. Atribui seu sucesso às 10 horas de estudo fora o tempo que estava no curso. Freqüentadora assídua dos sites que fornecem provas de concursos anteriores, Sarah acredita que conhecer a Banca é importante e que traz segurança na hora da prova. ¨O mais interessante é que, mesmo sendo formada em Arquitetura, me identifiquei com todas as disciplinas deste concurso e isso me ajudou, pois gostava de estudar. Sempre tive esperança que ia passar”.

  • João Paulo Santos Leonel, 27 anos, 1º Lugar de Minas no TRE-MG. Formado em Filosofia, trabalhava como GARÇOM de quinta a domingo em um bar e aos domingos servia almoço em um restaurante. Começou tendo que conciliar o trabalho com os estudos. Um tempo depois, quando percebeu que havia formado uma boa base, pediu demissão e ficou só estudando. Com isso, conseguiu passar no concurso do TRE/MG. Sempre estudou no Logos, onde seu irmão, Geraldo Edson Leonel Jr, também foi aluno e passou em 1º lugar no concurso do STM, que só tinha uma vaga. O maior incentivo para quem acha que passar em concurso não é possível e que não existem regras, nem “ditados”, afinal, João Paulo não cursou Direito, nem Economia, ou qualquer outro curso que o preparasse melhor para concursos! Além do mais, formar em Filosofia e trabalhar à noite pesariam, com certeza, na cabeça de qualquer pessoa que não tivesse a CORAGEM que ele teve de ACREDITAR que É POSSÍVEL SIM, PASSAR EM UM CONCURSO.

  • Ana Clara Zimmermmann Fonseca, 21 anos, 7º lugar na Polícia Rodoviária Federal. Estava cursando Administração na UFJF. Iniciou seus estudos no Logos e passou no 1º concurso que fez. Encontrou apoio na família, tanto emocional como financeiro, o que ela acredita ter sido de extrema importância para sua vitória. Nunca deixou de fazer exercícios físicos, pois sempre achou que ficava mais animada, feliz e sem stress. Jamais desanimou, às vezes chegou a pensar na dificuldade que é passar em um concurso tão concorrido, com matérias que ela inclusive nunca havia visto, como: Direito, Informática, Legislação de Trânsito..., mas com CALMA, DEDICAÇÃO, MUITA VONTADE  e a ajuda de DEUS conseguiu ser aprovada. Sentiu  uma “SENSAÇÃO MARAVILHOSA”, de Dever Cumprido.